Piti Hauer

Urubus atrás de carniça

Urubus atrás de carniça

2 minutos É enfurecedor a maneira de vinculação da grande parte da mídia e na internet quando da recaída de um dependente químico e que é do circuito do Show Business (artistas em geral)… são urubus atrás de carniça! A sociedade e a mídia vulgarizaram as drogas como sendo algo normal, mas o seu consumo e os efeitos dela não o são. As Políticas Públicas sobre Drogas, quer seja no âmbito Federal, Estadual ou Municipal são pífias e ridículas, além de serem lentas e Continue lendo

Faltam ambientes seguros e saudáveis de tratamento

Faltam ambientes seguros e saudáveis de tratamento

4 minutos Invariavelmente as Políticas Públicas Sociais, apesar de serem as mais propaladas em épocas próximas às eleições, são as que ocupam o final da fila na hora de sua elaboração e aplicabilidade entre os gestores municipais, estaduais e federais. E o que dizer então de uma Política Pública Social sobre Drogas? Onde ainda prevalece a estigmatização do usuário de Substâncias Psicoativas, considerado como um pária da sociedade como se nada mais pudesse produzir ou criar, estando em uso de drogas ou em processo Continue lendo

As 5 mais

As 5 mais

1 minuto Nicotina: Os cigarros são fáceis de obter e parte do consumo ocorre em uma idade precoce.  As estatísticas indicam que um terço das pessoas que experimentam o cigarro ficarão dependentes dele. Ele é viciante assim porque fumar eleva rapidamente os níveis de dopamina no cérebro, entre 25 e 50%. Barbitúricos: Essa droga é encontrada em medicamentos para regular a ansiedade e insônia e interfere nos sinais do cérebro causando sensações de euforia. É tão eficaz e rápido, que aqueles que o consomem Continue lendo

Conversas & Partilhas

Conversas & Partilhas

5 minutos A arte de escutar é como a luz que dissipa a escuridão da ignorância. Dalai Lama   No intervalo de uma conferência sobre drogas, quatro conhecidos reencontram-se e decidem tomar um café e colocar a conversa em dia. Após pegarem seus cafés, notaram que a cafeteria do evento estava lotada e o único lugar disponível para sentarem e trocarem uma ideia era numa mesa, onde lá se encontrava uma outra pessoa, com quatro cadeiras disponíveis. Foram até à mesa e perguntaram se Continue lendo

CT’s: restaurando a esperança, dignidade e bem-estar pessoal

CT’s: restaurando a esperança, dignidade e bem-estar pessoal

6 minutos O WFTC (Federação Mundial das Comunidades Terapêuticas) é uma associação internacional que tem por objetivo reunir e apoiar o amplo movimento global das CTs em todo o mundo. O WFTC fornece cooperação, compreensão e orientação. A Declaração de Mallorca foi aprovada em 03 de dezembro de 2016, na cidade de Palma de Mallorca, no âmbito da celebração do V Instituto da Federação Mundial de Comunidades Terapêuticas (WFTC), organizado pelo projeto Início Baleares e Associação Projeto Homem. Participaram mais de 150 especialistas em Continue lendo

As cinco dimensões da recuperação

As cinco dimensões da recuperação

5 minutos “A recuperação de transtornos por uso de substâncias psicoativas é um processo de mudança através do qual os indivíduos melhoram a sua saúde, bem-estar, autoestima e gerenciam sua vida para alcançar o seu potencial completo”. Para conseguir uma recuperação diária e duradoura os adictos que se recuperam de transtornos causados pelo uso de substância psicoativas precisam ter apoio em quatro áreas de suas vidas: SAÚDE: superar ou administrar a doença ou os sintomas e fazer escolhas saudáveis e assertivas para o apoio Continue lendo

Maconha – o barato tributário

Maconha – o barato tributário

4 minutos O que sabemos é muito pouco, e o que não sabemos é imenso. Pierre Simon Laplace, matemático, astrônomo e físico francês A polêmica que gira sobre a maconha se deve continuar a ser uma droga proibida ou legalizada, ou ainda, descriminalizada ou regularizada, é inconteste e, a maioria dos debates, versam no âmbito da Saúde ou de um sistema político punitivo-repressivo na esfera legal, mas o que menos se discute é o motivo maior, a questão, o tópico central do porque de toda Continue lendo

Drogas: a 3ª Via

Drogas: a 3ª Via

4 minutos A falência da aplicação somente do viés da Saúde ou do sistema punitivo-repressivo em relação ao fenômeno das drogas é alarmantemente perceptível à todos os envolvidos com o álcool e outras drogas e com a Dependência Química, somente nésciopatas obtusos é que defendem tanto uma como outra afirmando que são os únicos caminhos que detém uma solução, que pela própria irredutibilidade ideológica, torna-se inalcançável e inviável em relação à prevenção, cuidado, tratamento, recuperação e reinserção social. A incapacidade do Estado de aplicar Continue lendo

Politica pública sobre drogas no Brasil precisa e deve ser reformulada

Politica pública sobre drogas no Brasil precisa e deve ser reformulada

4 minutos Somos nós quem criamos nossos próprios demônios e fazemos deste mundo nosso próprio inferno. Oscar Wilde.   Precisamos reformular, rediscutir, realinhar nossa Política Pública sobre Drogas?  Em artigos anteriores já alertava a falta de uma maior discussão/debate sobre o fenômeno das drogas e sua aplicabilidade na prevenção, tratamento, redução de danos e redução da oferta e da demanda. Não é somente em relação ao crack, mas, também, no tocante ao álcool e outras drogas. Não há nenhuma diretriz na Saúde Pública vinculada Continue lendo

DROGAS: 6 mitos sobre o “FUNDO DO POÇO”

DROGAS: 6 mitos sobre o “FUNDO DO POÇO”

7 minutos Quem já não ouviu falar do bordão “fundo do poço”? Comumente significa que se chegou ao nível mais baixo possível, é o nada de coisa nenhuma. Para a dependência química o termo está associado a uma maneira de exibir um contexto de que o adicto e/ou dependente de álcool e outras drogas atingiu o seu ponto mais baixo, que não tem mais escolha, a não ser desistir de usar drogas e procurar tratamento. O significado de “fundo de poço” assume proporções diferenciadas Continue lendo