Outras dependências

Lobos em pele de cordeiro

Lobos em pele de cordeiro

7 minutos Os Estados Unidos vivem uma epidemia de opiáceos (substâncias derivadas do ópio) tão devastadora quanto o boom da heroína do último terço do século passado. Uma crise de saúde que levou aquele país a declarar, na semana passada, uma emergência de saúde pública que tem deixado mais mortos que a guerra do Vietnã e do Afeganistão juntos, sem que um tiro fosse disparado. Em 2007 a Purdue Pharma se declarou culpada de enganar o público sobre o risco de vício em OxyContin Continue lendo

É melhor acender o sinal de alerta

É melhor acender o sinal de alerta

3 minutos Segundo o Ministério da Saúde, uma em cada três crianças podem ser consideradas obesas no Brasil. Há uma década, o número de adultos obesos também tem aumentado ano a ano. Hoje, mais da metade dos brasileiros está obeso e outros 18% está acima do peso. Ao mesmo tempo, um estudo feito por uma escola de negócios da Espanha revelou que o Brasil está entre os quatro países que mais consomem fast food no mundo, só perdendo para os EUA, Japão e China. Continue lendo

Para gastar menos tempo ao celular

Para gastar menos tempo ao celular

1 minuto Nos últimos anos, psicólogos têm enfrentado cada vez mais casos de vício por elementos como pornografia online e videogames. Mas enquanto muitos veem na tecnologia seu maior perigo, outras companhias preferem usar as ferramentas que nos são disponibilizadas através dela para tratar esses casos. Um bom exemplo disso veio com a startup Onward, que lançou uma ferramenta desenvolvida para lidar com casos de viciados pela tela do celular na forma de um app (aplicativo).  A ideia, segundo a empresa, é monitorar e bloquear Continue lendo

Cada vez menos “inofensivos”

Cada vez menos “inofensivos”

1 minuto O cigarro comum causa 90% dos cânceres de pulmão e até infartos e AVCs. Minutos após parar de fumar, a pressão sanguínea e a pulsação do fumante voltam ao normal. Foi o que levou Magnus Lundback, do Instituto Karolinska, da universidade médica em Estocolmo, a investigar os cigarros eletrônicos que contêm nicotina. Em seu estudo, ele descobriu que o uso desses dispositivos contendo o estimulante pode causar um endurecimento das artérias, assim como aumentar os batimentos cardíacos e da pressão arterial. Lundback Continue lendo

Últim@ form@

Últim@ form@

1 minuto Em 2008, a China foi o primeiro país a reconhecer o vício em internet como um problema mental. Não são raros casos de jovens quem morrem em cybercafés após uma maratona de jogo on-line sem interrupção. Por isso, o governo do país comunista está aumentando os esforços para tratar o mal moderno. Campos militares estão sendo abertos para receber um grande número de viciados. Isso mesmo: uma espécie de centro de detenção onde os internos são obrigados a seguir diretrizes militares para abandonar o vício. Continue lendo

Extrapolando as fronteiras da saúde

Extrapolando as fronteiras da saúde

3 minutos Já mostramos aqui os alertas de profissionais de saúde sobre o aumento do risco de morte associado ao uso de drogas psiquiátricas, refletindo muito de perto o aumento de mortes relacionadas ao uso de opióides nos Estados Unidos. A questão já vinha sendo tratada como uma epidemia, inclusive com a formação de um grupo de trabalho especial coordenado pela Casa Branca. Afinal, segundo dados do Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos, desde o final da década de 1990 Continue lendo

Narguilé não tem NADA de inofensivo, alerta OMS

Narguilé não tem NADA de inofensivo, alerta OMS

2 minutos Criado na Índia no século 16, o narguilé é popular em países do sudeste asiático, do norte da África e do mediterrâneo Oriental. Desde os anos 1990, porém, o consumo desse cachimbo com água apresenta um consumo crescente no Ocidente, principalmente no Brasil, Estados Unidos e Europa. Mais do que conter água, o narguilé é um cachimbo que traz um fumo especial, feito com tabaco, melaço e frutas ou aromatizantes. O fumo é queimado em um fornilho e sua fumaça, após atravessar Continue lendo

Você já  ‘phubbou’ alguém hoje?

Você já ‘phubbou’ alguém hoje?

2 minutos Se você pensar bem, certamente irá responder nossa pergunta-título com um ‘sim, já phubbei alguém hoje’. Criado pela junção das palavras phone (celular) e snubbing (esnobar), o phubbing é o ato de ignorar ou deixar de conversar com alguém por estar focado no celular. Trocando em miúdos: se você presta mais atenção no que está no celular do que na pessoa ao lado, você está praticando phubbing. Esta percepção do celular como um aparelho inseparável e vital transforma a maneira como nos Continue lendo

“Molécula de Deus” invade a Europa

“Molécula de Deus” invade a Europa

2 minutos A ayahuasca vem conquistando adeptos em vários locais do mundo. Ao contrário do que ocorre no Brasil, porém, onde tem seu uso liberado para rituais religiosos, a bebida está se tornando famosa por suas propriedades entorpecentes na Europa. No litoral da Espanha, cidades como Tarifa ou Ibiza realizaram recentemente cerimônias para o consumo em solenidades com rito espiritual, onde vários grupos de pessoas se reuniram com o único objetivo de ingerir um alucinógeno que os xamãs da Amazônia já conhecem e utilizam. Continue lendo

Sedativo popular deve ser usado com grande cautela

Sedativo popular deve ser usado com grande cautela

3 minutos Estudos publicados na Public Health Reports, no American Journal of Public Health e no Vancouversun trazem alertas de profissionais de saúde sobre o aumento do risco de morte associado ao uso de drogas psiquiátricas. Comumente prescritos, Valium, Xanax e Rivotril possuem o composto químico Clonazepam, sedativo popular usado para tratar ansiedade e distúrbios do sono e que pertence a uma classe de drogas chamadas benzodiazepinas. Conhecida pela sigla BZD, a benzodiazepina representa uma classe de medicamentos psiquiátricos conhecidos como “tranquilizantes” que podem Continue lendo