Esterilidade e maconha

Tempo de leitura: 2 minutos

Uma viúva que trabalhava arduamente tinha por hábito acordar suas jovens criadas com o canto do galo para a lida. Cansadas de tanto trabalhar sem trégua, as criadas resolveram matar o galo. Achavam que a razão de toda sua desgraça era ele, que acordava a senhora antes de o dia nascer. Qual nada! Morto o galo, o destino delas piorou ainda mais, pois a senhora, sem o galo e, consequentemente, sem seu relógio, as convocava ainda mais cedo.

Muito frequentemente nossas desgraças são o fruto de nossas próprias escolhas.

As drogas pioram a nossa vida!

A droga pode afetam mais do que a saúde física. Estudos em 2008 associaram anos de uso pesado de maconha a anormalidades no cérebro. Isso é respaldado por uma pesquisa anterior sobre os efeitos em longo prazo da maconha, que indica que as mudanças no cérebro são similares àquelas causadas pelo uso a longo prazo de drogas mais pesadas. Muitos estudos têm mostrado a conexão entre o uso continuado de maconha e psicose.

A maconha muda a estrutura das células do esperma, deformando-as. Dessa forma, até mesmo pequenas quantias de maconha podem causar esterilidade temporária nos homens. O consumo de maconha pode transtornar o ciclo menstrual da mulher.

Estudos revelam que as funções mentais das pessoas que fumaram muita maconha tendem a ser danificadas ou diminuídas. O THC na maconha corrompe as células nervosas do cérebro, afetando a memória.

A maconha é uma das poucas drogas que causa divisão anormal das células, conduzindo a graves defeitos hereditários.

Nos últimos 10 anos, muitos consumidores de maconha nasceram com iniciativa reduzida e diminuta capacidade para se concentrar e perseguir objetivos na vida. Estudos sugerem que o consumo da droga por mulheres grávidas pode resultar em fetos defeituosos, em anormalidades mentais e em risco de leucemia na criança.

Efeitos em curto prazo

Distorção sensorial, pânico, ansiedade, coordenação motora escassa, empo de reação reduzido.

Efeitos em longo prazo

Resistência reduzida à doenças comuns, como resfriados, gripes e bronquites, supressão do sistema imunológico, distúrbios de crescimento.

Você sabia?

As abelhas fabricam o mel, na perseverança de mil voos, mediante uma curiosa indústria química que só elas conhecem. Não fabrique o fel da sua desgraça e desventura, depositando pensamentos negativos nos “favos” da sua mente, nos sulcos da sua caminhada peregrina.

Os hábitos nascem da repetição. Quem pensa no êxito cria o melhor hábito do mundo: o hábito benfeitor da esperança, da felicidade. Os pensamentos negativos, ao contrário, lavram, prematuramente, nossa certidão de óbito…

Viver é batalhar sem nunca esmorecer. Há gente, com letra grande, que faz da vida um altar, por estar consciente de que viver é repartir, é partilhar.

“Senhor, enquanto tento transmitir a mensagem, ajuda-me a lembrar de que nem todos querem ouvir e ver e têm de aprender como eu tive de aprender.”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *